O Dióspiro é um fruto proveniente da Ásia, mais concretamente da China, e posteriormente foi
difundido para a Índia e para o Japão, onde se cultiva desde o século XVII. O seu nome deriva do
grego diospyron, por ser chamado “alimento de zeus”, ou fruto dos deuses.
Atualmente, os principais países produtores deste fruto são a China, o Japão, a Coreia, o Brasil, a
Itália e Espanha. Portugal possui alguns pomares localizados maioritariamente na região do Algarve.
O dióspiro é um arco-íris nutricional que surge na época certa para nos proteger das temperaturas
diminuídas reforçando o nosso sistema imunitário. A sua riqueza em carotenos e antioxidantes,
desempenham uma função importante na proteção das células dos danos provocados pelos radicais
livres. A conjugação dos beta-carotenos com os compostos fenólicos fazem com que o dióspiro seja
muito rico em antioxidantes.
Quando consumimos um fruto gostamos que seja doce, e o dióspiro devido ao seu teor de hidratos
de carbono possui uma doçura muito característica, possuindo 14,8g de hidratos de carbono por
100g de dióspiro.
Em dietas de emagrecimento este alimento não é proibido e não existem razões para o erradicar da
alimentação, pois é um alimento sazonal que apenas está presente nas nossas lancheiras por um
limitado período de tempo. Só carece de moderação no seu consumo.

Dra. Rita Santos Sousa
Nutricionista Phive Leiria